O prédio principal do Colégio Estadual do Paraná será restaurado com recursos do Estado. O edital de licitação da reforma, orçada em R$ 20,9 milhões, foi assinado nesta terça-feira (12) pela governadora Cida Borghetti. É a maior obra já realizada no colégio, um dos mais antigos da rede estadual.

A abertura da licitação será em 18 de julho. Além da restauração do prédio principal, que tem 66 anos, o projeto também prevê a renovação das partes elétrica e hidráulica, a reforma e a modernização dos elevadores e a criação de novas adaptações de acessibilidade ao prédio. O paisagismo também será modificado para que retorne ao modelo original, da época da construção.

“É uma obra que vai impactar não só os 5 mil alunos, centenas de funcionários e a equipe de professores desse emblemático colégio do Paraná, mas também todas as famílias dos estudantes aqui matriculados e os próprios paranaenses. Afinal, o colégio se mistura com a própria história do Estado”, disse a governadora.

Cida lembrou também que a reforma, além de melhorar a infraestrutura da escola, vai afetar diretamente o futuro dos estudantes. “Com uma estrutura mais moderna a aprendizagem também melhora. E isso é o que mais importa, já que o estudo é uma ferramenta que muda a vida das pessoas, as transforma em melhores cidadãos”, disse.

Além da restauração prevista do prédio histórico, o ginásio de esportes do colégio também está sendo restaurado com recursos do Estado. A ordem de serviço para o início desta obra, orçada em R$ 1,68 milhão, foi assinada em abril deste ano pela governadora.

(foto: Jaelson Lucas/ANPr)