A Assembleia Legislativa começa votar nesta segunda-feira (12), o orçamento estadual de 2017. O governo prevê uma receita de R$ 56,09 bilhões e as despesas previstas de R$ 47 bilhões. Segundo o líder do Governo na Assembleia, deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), ainda há muita incerteza sobre o ano de 2017 e a recuperação econômica do Brasil todo, mas é visível o Paraná vive uma situação diferente de outros Estados. “Isto se reflete também no nosso orçamento para o próximo ano, onde podemos destacar os investimentos das estatais, os financiamentos externos e os gastos com pessoal”, disse.

Romanelli lembrou que do valor total do orçamento 34,5% são destinados à educação paranaense e 12% à saúde. As duas área são as que mais recebem recursos. Já os investimentos das empresas públicas previstos são da ordem de R$ 3,4 bilhões e envolvem a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Fomento Paraná, BRDE, Codapar, Cohapar, Sanepar e Copel, entre outras.