O ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares foi transferido para o Complexo Médico-Penal, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba, nesta quarta (20). Soares estava detido na Polícia Federal em São Paulo desde maio deste ano.

“Constata-se, então, a existência de interesse da administração judiciária, para fins de instrução criminal, na inclusão do executado no sistema prisional em Curitiba/PR. Denota-se de rigor transferência do executado para o sistema prisional em Curitiba/PR, Complexo Médico Penal, em ala reservada aos presos da Operação Lava Jato”, decidiu o juiz Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal da capital paranaense.

O petista cumpre pena de seis anos de prisão por lavagem de dinheiro. Processo é um desdobramento do caso do empréstimo de R$ 12 milhões tomado pelo pecuarista José Carlos Bumlai no Banco Schahin, em 2004. Segundo as investigações da Lava Jato, o dinheiro era destinado ao PT.

Delúbio já havia sido condenado no escândalo do Mensalão a seis anos e oito meses de prisão em regime semiaberto por corrupção ativa. Um ano depois de ser preso, o ex-tesoureiro do PT passou a cumprir a pena em regime aberto.

No âmbito da condenação na Lava Jato, a defesa de Delúbio pediu que o petista cumprisse a pena em Brasília, devido a proximidade à família do ex-tesoureiro. No entanto, o pedido foi negado pelo juiz da 12ª Vara Federal de Curitiba.

link matéria
http://www.diariodopoder.com.br/ex-tesoureiro-do-pt-delubio-soares-e-transferido-para-prisao-no-parana/