O prefeito de Cascavel, Leonardo Paranhos, decidiu prorrogar, por mais uma semana, o atendimento oferecido pelo programa Comboio da Saúde, na região central do município. A decisão levou em conta a eficiência e os resultados obtidos em apenas três dias de serviços prestados à comunidade. Ao todo, neste curto período, foram realizados mais de 477 exames médicos pela unidade móvel realizados em pessoas de todos os bairros da cidade.

“São pessoas de todos os bairros, que trabalham aqui no Centro nas lojas onde temos carência de unidade de saúde, e que demandam deste tipo de atenção represada, assim desafogamos o atendimento nas unidades dos bairros”, disse o prefeito Paranhos.

O prefeito esteve nesta quinta-feira no local acompanhado do presidente do Sindilojas, Paulo Beal, e do presidente do Sinfarma Oeste do Paraná, Nelcir Ferro, que junto com o presidente do Sincopeças de Cascavel, João Schenberg, assinaram, na semana passada, convênio garantindo a unidade móvel em Cascavel por mais 30 dias.

“É uma opção de atenção à saúde que está sendo bancada pelos sindicatos (a carreta), para fazermos um teste que, se for aprovado, implantaremos por meio de licitação. A modalidade facilita o acesso rápido e bem organizado a exames que muitas vezes demoram meses ou anos nas unidades de saúde”, complementou o prefeito, Leonardo Paranhos.

140 atendimentos/dia – De acordo com Ali Haidar, são realizados no Centro da cidade esta semana, por meio de agendamento, eletrocardiogramas, exames preventivos do colo do útero (Papanicolau) e exames laboratoriais de rastreio ao dia – colesterol, triglicerídeos, PSA (detecção de câncer da próstata). “Para a próxima semana estamos elaborando os agendamentos ainda”, explicou.