A governadora Cida Borghetti confirmou nesta segunda-feira (4) o repasse de R$ 9,8 milhões para compra de equipamentos para as 111 unidades básicas de saúde de Curitiba, além da reforma de 14 e a construção de uma sede própria para a unidade do Umbará. A verba também permite a compra de medicamentos. “As melhorias impactarão nos serviços oferecidos aos cidadãos e também trarão suporte necessário para os profissionais da saúde que atuam nessas unidades básicas”, afirmou Cida.

A saúde, disse Cida Borghetti, é prioridade na sua gestão. “Há muito o que ser feito, mas estamos avançando. Esses recursos contribuirão para a qualidade no atendimento, em especial aos que precisam de medicamentos de uso contínuo”, disse ela.
O prefeito Rafael Greca disse que as unidades estão recebendo equipamentos básicos que vão ajudar no atendimento à população em todos os bairros. “Os novos equipamentos novos vão ajudar no trabalho dos médicos e enfermeiros, proporcionando uma melhor atenção primária”, disse. “A nova unidade do Umbará é uma reivindicação antiga, será a de número 112. Sou muito grato ao Governo do Paraná por essa liberação, que fará muito bem a população de Curitiba”, afirmou Greca.

Grande parte dos recursos (R$ 5,3 milhões) vai para compra de medicamentos para a população. Outros R$ 2,1 milhões para reforma de 14 unidades de saúde; R$ 1,7 milhão a compra de equipamentos para 111 unidades e R$ 750 mil para construção da unidade de saúde Umbará II. Serão reformadas as unidades de saúde Abaeté (distrito Boa Vista), Fernando de Noronha (Boa Vista), Pilarzinho (Boa Vista), Santa Efigênia (Boa Vista), Tingui (Boa Vista), Vista Alegre (Boa Vista), Caiuá (CIC), Nossa Senhora da Luz (CIC), Dom Bosco (Tatuquara), Moradias da Ordem (Tatuquara), Pompeia (Tatuquara), Ipiranga (Pinheirinho), Vila Feliz (Pinheirinho), São Paulo (Cajuru).

(foto: Orlando Kissner/ANPr)