O prefeito Rafael Greca apresentou nesta quarta-feira, 21, o programa Curitiba Mais para profissionais e representantes do setor do turismo. O programa é composto por diversas medidas para tornar a cidade mais competitiva e atrair produtores de congressos, feiras e shows.

 

Na exposição, Greca ressaltou que a primeira medida adotada foi a sanção da Lei Complementar nº 107 no fim de 2017. A lei reduziu a alíquota de ISS de 5% para 2% para congressos, feiras e shows. “É preciso ter a mentalidade de fazer acontecer”, disse.

 

Greca lembrou ainda que Curitiba conta com uma ampla infraestrutura para shows e congressos. “Convido-os a usarem a cidade, que quer congressos, feiras e shows”, salientou.

 

Além da redução do ISS, o programa Curitiba Mais apresenta a Portaria 3/2018, que normatiza a política de apoio a realização de shows e congressos por parte do município. A presidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra, explicou que a portaria aproxima o poder público dos produtores, o que pode gerar vários benefícios. “Vai nos permitir, por exemplo, construir uma grande base de dados e identificar nossas potencialidades a serem desenvolvidas”, esclareceu.

 

Outra medida é a elaboração de um guia de espaços para eventos, com informações para ajudar produtores que pretendem trabalhar em Curitiba. Ainda, em janeiro deste ano, o Decreto nº 25/2018 possibilita que terceiros usem espaços públicos municipais para atividades específicas e transitórias.

 

O secretário municipal da Comunicação Social e presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcelo Cattani, destacou que a cidade vivia um cenário de baixa competitividade na atração de congressos e shows, o que torna o lançamento do novo programa ainda mais relevante. “Foram compromissos assumidos durante a campanha eleitoral do prefeito com o trade turístico e o setor de entretenimento”, comentou.

 

Os empresários e profissionais da área têm visto as novidades com entusiasmo. O diretor operacional do Parque das Pedreiras, Hélio Pimentel, elogiou o posicionamento de Greca em relação ao tema. “O que se demonstrou hoje é que, além da redução do ISS, a Prefeitura procura o desenvolvimento de uma política pública para fortalecer as atividades turísticas e culturais”, celebrou.

 

A reunião também teve a presença do presidente da Agência Curitiba de Inovação, Frederico Lacerda, do secretário municipal de Defesa Social, Guilherme Rangel, da presidente do Instituto Curitiba de Saúde, Dora Pizzatto, do presidente da Companhia de Habitação Popular de Curitiba, José Lupion Neto, do presidente do Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação de Curitiba, João Jacob Mehl, e dos vereadores Thiago Ferro e Pier Petruzziello.